O PEPE Vencedores nasceu num fim de tarde, em uma visita ao casal pastoral Seck. O casal vivia num bairro periférico da cidade de Mbour, no Senegal, onde as crianças não tinham acesso à educação infantil. Os Seck já tinham a visão de trabalhar com crianças, mas ainda não sabiam como. Durante a referida visita, o coordenador do PEPE apresentou o programa como a oportunidade de fazer a diferença naquela comunidade.

O casal entendeu que o PEPE era o meio que Deus usaria para abençoar sua comunidade. Então, era hora de trabalhar! Inicialmente, foi pedida autorização às autoridades governamentais e locais. Em seguida, iniciou-se a mobilização na comunidade para a promoção do projeto e a preparação do espaço. Em meio aos preparativos o chefe do bairro disse: “Esta é uma boa iniciativa, mas aqui nem a escola mulçumana funciona, pois os pais não têm interesse”.

Entretanto, nós continuamos a orar e a trabalhar crendo que Deus faria as coisas acontecerem. Consequentemente, em 15 dias intensos de trabalho recebemos 40 crianças que começaram a serem atendidas no PEPE Vencedores. Para a nossa surpresa os pais responderam positivamente a mobilização que foi feita e, apesar das barreiras religiosas, os pepitos vencedores foram matriculados.

José Ricardo Nascimento
Coordenação Continental PEPE África