O PEPE em Guiné Bissau, com 16 unidades em funcionamento e atendendo 352 crianças, foi confrontado pelo desafio de suspender as suas atividades presenciais por orientação governamental, devido ao aumento do contágio da COVID-19 no país. Com isso, os missionários-educadores tiveram que se organizar para enviar as atividades para que as crianças fizessem em suas casas. O que muito tem nos alegrado é a resposta positiva das famílias ao incentivar o desenvolvimento das crianças mesmo em casa.

O PEPE no país tem uma aceitação muito grande devido ao atendimento de qualidade oferecido às crianças e seus familiares. As crianças são beneficiadas com o acesso ao um ensino de qualidade e com o atendimento nutricional, este extremamente relevante para seu pleno desenvolvimento. Já as famílias são orientadas por uma missionária nutricionista quanto à aquisição de hábitos alimentares saudáveis.

Nós temos trabalhado a educação nutricional com as crianças por meio de atividades lúdicas, além de servimos um lanche nutritivo em cada dia de atividade na unidade. Porém, infelizmente, nem todas as unidades têm conseguido oferecer o lanche, devido a falta de recursos econômicos. No entanto, não nos desanimamos, cremos que Deus proverá alimentos para todas as crianças de todas as unidades em Guiné Bissau.

Outra área que tem impactado positivamente a saúde das crianças é o POPE, que é o trabalho de educação preventiva de saúde bucal. O PEPE em Guiné Bissau tem recebido o apoio de uma ONG que doa um Kit contendo uma escova dental, creme dental, toalha e sabão a cada criança. Toda semana é feita uma atividade relacionada ao tema e as crianças escovam os dentes todos os dias após o lanche. Duas vezes por ano essas crianças são atendidas por uma equipe de odontologia. Aquelas que apresentam algum problema são encaminhadas para o tratamento em uma clínica parceira.

Mas não é só isso que tem acontecido no PEPE em Guiné Bissau! Também temos o PEPE VAI, que é o programa de visitação às crianças. O objetivo é estreitar os laços com as famílias e assim testemunhar de Jesus Cristo. Nas visitas, temos a oportunidade de orar pela família, ler a bíblia e convidá-la para iniciar os estudos bíblicos. Graças à Deus esse trabalho tem dado resultado em vários aspectos. As famílias se sentem mais valorizadas e acolhidas pela igreja local. O resultado são pessoas aceitando Jesus!

José Ricardo Nascimento
Coordenação Continental PEPE África