El Salvador, está entre um dos três países mais pobres do Hemisfério Ocidental, com 44% das crianças vivendo em situação de pobreza. A violência de gangues é um problema generalizado no norte da América Central, com crianças sendo alvo de recrutamento, abuso e inclusivamente homicídio. Segundo o UNICEF, em El Salvador, 365 crianças foram assassinadas somente em 2017.

Nosso país enfrenta atualmente muitas situações de risco. A população têm necessidade de moradia decente e alimentação digna. Altas taxas de violência e desemprego atingiram duramente o povo salvadorenho. Tudo isso, tem desamparado a primeira infância, pois nas áreas de maior risco seus pais morrem em consequência da violência, e nas áreas em que isso não acontece, elas são “órfãs figurativamente” em virtude das migrações existentes. As famílias se desintegram na busca de trabalho, alimento e moradia até atingirem a realidade vivida nas áreas de fronteira. A insegurança é latente, as pessoas deixam suas casas para maior segurança de suas famílias.

O PEPE chegou a El Salvador em 2014, sendo um grande impacto e bênção para o nosso país até o momento. Nasceu com o objetivo de levar esperança ao coração das crianças através de Jesus Cristo, aproveitando o melhor estágio do crescimento físico, cognitivo e espiritual da criança, além de promover valores sociais para que sejam agentes de mudança e futuros missionários. Atualmente temos 53 Missionários Educadores atuando em diferentes áreas do país. Atendemos um total de 447 crianças distribuídas em 20 unidades. Contamos com 5 coordenadores de área e 4 membros na área administrativa.

O PEPE anda de mãos dadas com a Igreja e também com a comunidade através de projetos comunitários como as hortas onde os pais podem semear e colher, as jornadas médicas em que não só as nossas crianças são beneficiadas, mas também seus parentes e o programa nutricional que ainda inclui os irmãos de nossas crianças até os 14 anos. A Equipe Nacional de Trabalho tem muitos sonhos e metas para os próximos anos, como por exemplo, que o Programa seja inserido dentro do Programa de Estudos do Ministério da Educação. Outro dos nossos objetivos é que cada uma das unidades possa ser ainda mais fortalecida para alcançar o nível básico. Nos ajudem em oração para que alcancemos essas metas.

Iniciamos uma campanha com um plano de evangelização das crianças que estão nos nossos PEPEs. Pela fidelidade divina em menos de 1 mês ganhamos 17 crianças para Cristo e continuamos compartilhando o evangelho para que não apenas os pepitos abram seus corações, mas também os seus pais levando assim ao impacto imediato da comunidade. Ainda há muito a fazer em nosso país para que 100% da população seja alcançada por Cristo. Muitos tem nos animado a continuar com esse trabalho que o Senhor nos confiou e temos a certeza de que o PEPE é o futuro de El Salvador. Sabemos que estamos semeando em solo fértil, temos visto os resultados e seguiremos firmes.

Gladyz Ortiz
Coordenadora Nacional do PEPE em El Salvador