DESCRIÇÃO DOS PROJETOS PEPE POR PAÍSES NAS REGIÕES

AMÉRICA DO SUL

PEPE Argentina

PEPE ARGENTINA
Ano de início: 2011
Coordenadora nacional: Graziela Alencastro
Motivação para o desenvolvimento do Programa: Bairros pobres, mães analfabetas, crianças fora da escola, círculo vicioso de pobreza, e desnutrição infantil.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1.Alcançar as crianças em idade pré-escolar e suas famílias com o Evangelho de maneira integral.
2.Compartilhar o ensino da Bíblia com crianças e suas famílias.
3.Expressar o amor de Deus de uma maneira prática (comida/roupas em geral/oficinas e cursos de treinamento/visitas às crianças em suas casas).
Metas para 2020:
1. Estabelecer novas unidades de PEPE na Argentina
2. Ter 30 unidades de PEPE em funcionamento.


PEPE BOLÍVIA


PEPE BOLÍVIA
Ano de início: 2005
Coordenadora nacional: Kátia Arredondo Hipamo
Motivação para o desenvolvimento do Programa: Igrejas com amor pelas crianças e ansiosas por trabalhar para que outras pessoas conheçam Jesus. E a oportunidade de alcançar crianças em situação de risco social e com falta de acesso à educação pré-escolar.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Incentivar os líderes das igrejas a promover o trabalho missionário evangelístico.
2. Vincular a abertura de novas unidades do PEPE ao processo de plantação de igrejas.
3. Fortalecimento das igrejas por meio do Programa PEPE na comunidade
Metas para 2020:
1. Abrir uma unidade de PEPE na fronteira com a Argentina
2. Abrir mais unidades de PEPES em todo país.
3. Ter material pedagógico atualizado que possa ser usado em todo o país.


PEPE CHILE


PEPE CHILE
Ano de início: 2011
Coordenadora nacional: Maria Amélia Sepúlveda García
Motivação para o desenvolvimento do Programa: Ampliar o reino de Deus através da experiência do Programa PEPE no Chile em unidades educacionais, levando esperança aos corações das crianças, transmitindo a mensagem de amor de nosso Pai Celestial. Oferecer oportunidades a outras regiões do Chile para implementar o programa.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Implementar um projeto de prevenção de saúde e nutrição em pelo menos 30% das unidades.
2. Criar material didático de suporte para os missionários-educadores.
3. Fortalecer as unidades de PEPE mais antigas por meio de treinamento, suporte on-line e criação de novos materiais de ensino.
Metas para 2020:
1. Promover o uso dos recursos didáticos do PEPE Internacional e nacional por pelo menos 70% das unidades.
2. Visitar igrejas oferecendo oficinas de treinamento que lhes permitam melhorar seu trabalho com crianças.
3. Fortalecer o trabalho com os pais e responsáveis pelas crianças nas diferentes unidades de PEPE.
4. Criar materiais de suporte musical.


PEPE COLÔMBIA


PEPE COLÔMBIA
Ano de início: 2011
Coordenadora nacional: Adalci de Ávila Angulo
Motivação para o desenvolvimento do Programa: Colômbia é um país com muitas regiões com grande pobreza, onde as crianças na idade pré-escolar não têm oportunidade de aprendizagem, como nas comunidades indígenas wiwa e outras etnias.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. O cuidado e a segurança das nossas crianças e suas famílias
2. Que as famílias das nossas crianças possam conhecer e viver o amor de Deus.
3. Buscar recursos e acordos para a alimentação e educação das crianças, principalmente de comunidades indígenas.
Metas para 2020:
1. Aprender e desenvolver atividades de educação infantil por meio da mídia virtual.
2. Preparar um projeto de alimentação para as comunidades indígenas wiwa.
3. Continuar promovendo o PEPE nas igrejas.


PEPE EQUADOR


PEPE EQUADOR
Ano de início: 2006
Coordenadora nacional: Angélica María Marcillo Gutiérrez
Motivação para o desenvolvimento do Programa: oportunidade de desenvolver o PEPE como um projeto transformador de vidas para crianças de baixa renda, orientar os pais a ter uma melhor qualidade de vida, fortalecer pequenas igrejas e contribuir para a abertura de novas igrejas.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Orientar os coordenadores a cumprir os procedimentos do plano estratégico do PEPE Internacional.
2. Implementar padrões de atuação em todas as unidades do PEPE.
3. Implementar uma proposta de treinamento de missionários-educadores para uma Educação Inclusiva.
Metas para 2020:
1. Utilizar os materiais educacionais do PEPE atingindo pelo menos 70% das unidades, incorporando vídeos on-line à nova modalidade usada pelos MEs via WhatsAap, garantindo bom ensino para a criança.
2. Garantir o conhecimento dos objetivos do PEPE, treinando MEs profissionais e não profissionais, completando as 40 horas de treinamento inicial.


PEPE PARAGUAI


PEPE PARAGUAI
Ano de início: 2002
Coordenador nacional: Enrique Javier Galarza Guerrero
Motivação para o desenvolvimento do Programa: Atender crianças em situação de vulnerabilidade e pobreza nas capitais e interior do país, e atenção às famílias analfabetas. O Paraguai apresenta um quadro de 11% de crianças em estado de desnutrição e fome.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Reorganizar o ensino através de meios virtuais para continuar desenvolvendo atividades com as crianças.
2. Abertura de unidades de PEPE em diferentes setores das comunidades empobrecidas.
3. Oferecer saúde e nutrição adequadas para alcançar melhores índices acadêmicos e de bem-estar.
Metas para 2020:
1. Mudanças e ajustes no sistema de ensino para se adaptar às diretrizes do MEC
2. Promover a capacitação dos missionários-educadores para preparar projetos que abençoem crianças, projetos relacionados à alimentação, proteção e saúde.
3. Organizar uma plataforma virtual para um congresso de missionários-educadores sobre a era digital e a educação.


PEPE PERU


PEPE PERU
Ano de início: 2002
Coordenadora nacional: Clorinda Alberca Rodríguez
Motivação para o desenvolvimento do Programa: No Peru, no planalto e na selva, há um alto índice de pobreza e desnutrição. As igrejas precisam ser estimuladas para alcançar as crianças e suas famílias.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Capacitar as missionárias-educadoras profissionais e não profissionais na formação inicial.
2. Desafiar as igrejas a trabalhar com o Programa PEPE para servir as crianças.
3. Continuar apresentando a proposta do PEPE aos pastores locais.
Metas para 2020:
1. Realizar o programa de treinamento contínuo para missionárias-educadoras em todas as unidades.
2.Continuar o processo de ensino através da mídia virtual.
3. Apoiar criação de cozinhas comunitárias para atender as comunidades onde as unidades de PEPE estão inseridas.


PEPE VENEZUELA


PEPE VENEZUELA
Ano de início: 2015
Coordenadora nacional: Ruth Saraid Cordero Orellana
Motivação para o desenvolvimento do Programa: A situação das crianças em vulnerabilidade, o momento crítico de grandes necessidades e deficiências sociais, a extrema pobreza, e o desejo da Igreja de cuidar das crianças e dar a elas a oportunidade de educação e de alimentação.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Implementar o Programa PEPE em cada Igreja Batista do país.
2. Programa de alimentação e treinamento contínuo para missionários-educadores.
3. Incentivar ações para defender os direitos da criança em todas as unidades das igrejas que desenvolvem o PEPE.
Metas para 2020:
1. Início do projeto piloto de geração de renda em conjunto com o Comitê de Desenvolvimento da Igreja para a obtenção dos lanches de cada unidade de PEPE.
2. Por meio dos coordenadores de área, capacitar igrejas para a realização do PEPE VAI (Programa de Visitação de Apoio Infantil).
3. Implementar um plano de sensibilização dos líderes sobre a responsabilidade missional da igreja.


 

AMÉRICA CENTRAL

EL SALVADOR

EL SALVADOR
Ano de início: 2014
Coordenadora nacional: Verônica Carolina Torrento de Cortez
Motivação para o desenvolvimento do Programa: A motivação é a necessidade por parte da população salvadorenha de um programa que leve em consideração a infância e deixe de vê-la como um objeto, mas sim como sujeitos. Uma vez que os vendo como objetos, apenas um esforço mínimo foi feito com o objetivo de entretê-los e não integrá-los. Isso faz com que a infância seja usada por gangues desde tenra idade, destruindo desta maneira o futuro de sucesso que teriam. Outra motivação é o círculo vicioso da pobreza, onde não há maiores oportunidades para as crianças devido à sua pouca ou nenhuma preparação.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Envolvimento das igrejas no desenvolvimento integral das crianças.
2. Melhorar os padrões educacionais seculares e espirituais de crianças que fazem parte do projeto PEPE.
3. Superar os níveis de desnutrição nas crianças beneficiadas no projeto PEPE.
Metas para 2020:
1. Orientar as igrejas na busca de parceiros para a doação de alimentos para as unidades do PEPE.
2. Promover o treinamento dos missionários-educadores para realizarem atividades com as crianças, com propostas e materiais simples, de acordo com o currículo nacional, a fim de que se desenvolvam profissionalmente para melhor ensinar as crianças com base nas novas tecnologias.
3. Garantir a implementação do Comitê de Pais nas unidades do PEPE (pelo menos 90% das unidades).


GUATEMALA


GUATEMALA
Ano de início: 2014
Coordenadora nacional: Nora Mendoza
Motivação para o desenvolvimento do Programa: Falta de atenção às crianças. Não havia escolas para as crianças em idade pré-escolar e assim elas permaneciam nas ruas, muitas vezes se envolvendo com gangues de criminosos.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Atendimento acadêmico às crianças em idade pre-escolar.
2. Atendimento médico e vacinação para proteger as crianças contra doenças.
3. Atendimento nutricional: várias igrejas oferecem café da manhã e lanches para as crianças.
Metas para 2020:
1. Receber e avaliar o diagnóstico da situação de novas áreas do país para fortalecer o trabalho após a covid-19.
2. Buscar alianças com diferentes organizações para apoiar as unidades do PEPE na área da saúde.
3. Promover o treinamento de missionários-educadores em atividades com propostas e materiais simples, de acordo com o currículo nacional.


HONDURAS


HONDURAS
Ano de início: 2017
Coordenadora nacional: Vilma Alejandra Milla Paz
Motivação para o desenvolvimento do Programa: As crianças das áreas mais vulneráveis e perigosas não têm acesso à educação pré-escolar. O PEPE trouxe esperança a essas crianças, com um ensino completamente baseado no currículo nacional básico e nos princípios bíblicos e cristãos para dar esperança aos corações feridos.
Objetivos e o que tem sido realizado: O PEPE HONDURAS tem todos os requisitos que o Ministério da Educação exige e suas unidades são parabenizadas pelo desenvolvimento intelectual e pela boa preparação que as crianças têm tido. Objetivos:
1. Uma educação de qualidade, com princípios cristãos, levando esperança para crianças em risco social nas áreas mais pobres do país.
2. Maior crescimento das igrejas pela conversão das famílias dos alunos.
3. Fortalecimento da educação cristã nas igrejas que fazem parte do projeto.
Metas para 2020:
1. Monitorar o trabalho educacional com os missionários-educadores, para alcançar os objetivos educacionais e de ensino para o ano letivo.
2. Comunicação constante com os pais das crianças para apoiá-los e também enviá-los, via WhatsApp/zoom, vídeos evangelísticos para apoiar o PEPE VAI, enviando também devocionais familiares.
3. Prover recursos e materiais didáticos para crianças que não têm acesso à tecnologia, telefone, etc.


MÉXICO


MÉXICO
Ano de início: 2014
Coordenadora nacional: Bertha Elvira Salgado Rodríguez
Motivação para o desenvolvimento do Programa: Fortalecer o ministério infantil nas igrejas e ter um impacto social nas comunidades onde as igrejas estão localizadas.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Abertura de sete unidades em um curto período de tempo, após vários anos de promoção em igrejas e convenções regionais.
2. Prover materiais educacionais para as unidades de acordo com o currículo nacional e sua distribuição física e digital.
3. Fornecer cuidados abrangentes para crianças em idade pré-escolar e desenhar um programa para cuidar de irmãos mais velhos de crianças em idade primária, para um maior alcance na família.
Metas para 2020:
1. Continuar com o esforço do PEPE de fazer parte da Convenção Batista Nacional do México.
2. Continuar com o treinamento contínuo dos missionários-educadores sobre tópicos de interesse e de acordo com as necessidades de cada unidade.
3. Fortalecer a promoção do PEPE no México por meio de redes sociais e visitas às igrejas locais no momento apropriado.


NICARÁGUA


NICARÁGUA
Ano de início: 2014
Coordenadora nacional: Sandra Lizeth Detrinidad López
Motivação para o desenvolvimento do Programa: Fortalecer as igrejas, prestar serviço às comunidades do entorno dos templos, dar atenção educacional às crianças e levar o evangelho aos moradores das comunidades.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Servir de maneira prática aos moradores de comunidades de baixa renda, proporcionando educação inicial às crianças.
2. Levar o evangelho às pessoas da comunidade e às crianças.
3. Projeção e crescimento da igreja.
Metas para 2020:
1. Fortalecer o PEPE-VAI virtual, através de treinamentos e formação das missionárias-educadoras.
2. Promover a implementação de novas unidades do PEPE focadas na abertura de novos campos missionários e/ou igrejas.
3. Executar plano de treinamento contínuo para missionários-educadores.
4. Promover programa de desenvolvimento comunitário.


PANAMÁ


PANAMÁ
Ano de início: 2015
Coordenadora nacional: Belén Peñafiel de Francis
Motivação para o desenvolvimento do Programa: A evangelização das crianças e suas famílias.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Evangelização da primeira infância: as crianças aprendem histórias e textos bíblicos.
2. Alcançar as famílias: Os pais ou responsáveis pelas crianças expressam que se aproximam de Deus através das crianças que oram e compartilham as histórias e os textos bíblicos aprendidos.
3. Testemunho das igrejas: a comunidade expressa o bom testemunho das igrejas pela atenção e serviço prestados às crianças.
Metas para 2020:
1. Acompanhamento dos temas dados às crianças com o objetivo de unificar o plano educacional nacional do PEPE.
2. Manter e melhorar a comunicação com os missionários-educadores através de redes sociais e plataformas online.
3. Implementar e consolidar o PEPE-VAI virtual, ou seja o contato e visitação por meios tecnológicos e redes sociais.


REPÚBLICA DOMINICANA


REPÚBLICA DOMINICANA
Ano de início: 2010
Coordenadora nacional: Juana Tereza Mora Rodríguez
Motivação para o desenvolvimento do Programa: Na República Dominicana, há um grande número de crianças com idade entre 4 e 5 anos que não frequentam a escola, perdendo a experiência da educação inicial.
A maioria das escolas para essa idade é privada e cara. Como os edifícios dos templos são pouco utilizados, vimos a possibilidade de abençoar as crianças através das igrejas, instalando uma unidade do PEPE para que assim as famílias humildes fossem beneficiadas. O PEPE tem sido uma boa ferramenta evangelística para as comunidades.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Educacional: Estar no nível de atuação exigido pelo PEPE e pelo Ministério da Educação, inserindo mais de 1.000 crianças no nível educacional nacional.
2. Social: Integramos a comunidade ao projeto PEPE, tornando a igreja conhecida e relevante. Oferecemos apoio e ajuda comunitária, incluindo atendimento médico, palestras educacionais e treinamento dos pais.
3. Missionário: Conseguimos que as crianças levassem o evangelho para casa, instruindo suas famílias em oração e respeito a Deus.
Metas para 2020:
Expandir o PEPE para novas áreas do país.
Fazer um trabalho de excelência operacional nas unidades de PEPE.
Realizar treinamento contínuo dos missionários-educadores e coordenadores.
Estabelecer alianças e associações para conseguir recursos para o PEPE.
Implementar ações que promovam o desenvolvimento comunitário das comunidades.


 

ÁFRICA AUSTRAL

ÁFRICA DO SUL

ÁFRICA DO SUL
Ano de início: 2011
Coordenadora nacional: Vanessa Patience
Motivação para o desenvolvimento do Programa: grande número de crianças em situação de vulnerabilidade social e sem acesso à educação infantil nas comunidades empobrecidas.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Expandir o projeto para mais igrejas nas províncias em que já está presente em novas.
2. Consolidar a visão missional: fortalecer e implantar novas igrejas a partir do PEPE.
3. Treinar a equipe: realizar mais 2 treinamentos no ano, com vista a ter 1 treinamento básico inicial e mais 3 treinamentos continuados.
Metas para 2020:
1. Abrir 2 unidades novas completando 8 unidades.
2. Ter 70 novas crianças matriculadas, completando 270 crianças.
3. Ter 8 missionários-educadores para completar 18.
4. Visitar todas as crianças.


ANGOLA

ANGOLA
Ano de início: 2004
Coordenador nacional: Manuel Wafumbua
Motivação para o desenvolvimento do Programa: grande número de crianças em situação de vulnerabilidade social e sem acesso à educação infantil nas comunidades empobrecidas.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Consolidar as unidades de PEPE dentro dos padrões de atuação exigidos pelo Programa.
2. Capacitar a equipe dos missionários-educadores de forma contínua.
3. Contribuir para consolidar a visão missional das igrejas ao desenvolverem o PEPE.
Metas para 2020
1. Iniciar mais 8 novas unidades para alcançar o total de 60 unidades.
2. Ter mais 405 novas crianças matriculadas para alcançar 2.000 crianças.
3. Ter mais 44 novos missionários-educadores para alcançar o total de 106.
3. Realizar 2 treinamentos de com líderes e pastores sobre o tema visão missional.


MOÇAMBIQUE


MOÇAMBIQUE
Ano de início: 2001
Coordenador nacional: Antonio Daniel Chiro
Motivação para o desenvolvimento do Programa: a dificuldade de acesso à educação de grande parte da população infantil das comunidades e aldeias e a desnutrição crônica constituem desafios a nível nacional, e mais acentuadamente nas províncias do norte do país, nomeadamente Nampula, Cabo Delgado, Niassa e Zambézia.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Orientar a implementação dos padrões de atuação do PEPE a nível nacional com enfoque na higiene de forma contínua.
2. Capacitar a equipe do PEPE a nível nacional.
3. Realizar ações contínuas para o desenvolvimento das comunidades.
Metas para 2020:
1. Alcançar pelo menos 90% das unidades de PEPE no nível básico dos padrões de atuação.
2. Iniciar a implementação do novo programa de formação inicial e formação continuada dos missionários-educadores.
3. Estimular ações de Proteção à criança no PEPE e nas igrejas.


SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE


SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE
Ano de início: 2003
Coordenadora nacional: Anilza Quaresma
Motivação para o desenvolvimento do Programa: grande número de crianças em situação de vulnerabilidade social e sem acesso à educação infantil nas comunidades empobrecidas.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Expandir o PEPE para novas áreas do país.
2. Capacitar a equipe do PEPE: quando chegou o covid-19 não estávamos preparados, mas agora aprendemos que precisamos preparar a equipe para compreenderem que foram chamados para todos momentos.
3. Consolidar o PEPE-VAI (Programa de Visitação de Apoio Infantil). Visitar todas as famílias das crianças das unidades de PEPE.
Metas para 2020:
1. Adequação das unidades de PEPE ao nível básico de atuação exigido pelo Programa.
2. Expandir o PEPE para a cidade de Príncipe.
3. Abrir mais duas novas unidades.
4. Finalizar o processo de legalização do PEPE no país no ministério da educação.
5. Consolidar as ações do conselho consultivo do PEPE no país.
6. Estabelecer parceria com a Associação das Igrejas Cristãs Evangélicas de São Tomé e Príncipe.


 

ÁFRICA OCIDENTAL 1

CABO VERDE

CABO VERDE
Ano de início: 2000
Coordenadora nacional: Diva Monteiro
Motivação para o desenvolvimento do Programa: levar a Palavra de Deus às crianças, alcançar suas famílias e oferecer a oportunidade da educação pré-escolar.
Objetivos e o que tem sido realizado: além do programa educacional para as crianças, o PEPE Cabo Verde tem realizado ações do PEPE-VAI (visitação às crianças e suas famílias), programas socias, e também a formação de novos lideres, a fim de cumprir o plano de ação traçado para 2020.
Metas para 2020:
1. Fazer com que o PEPE seja mais conhecido, ampliando a divulgação do Programa no país.
2. Ganhar mais famílias para Jesus.
3. Abrir novas unidades em novas comunidades por meio de igrejas locais.
4. Buscar mais parceiros apoiadores e mantenedores.


GÂMBIA


GÂMBIA
Ano de início: 2016
Coordenadora nacional: Stephanie Pauline Gomez
Motivação para o desenvolvimento do Programa: alto número de crianças em vilarejos carentes sem acesso à educação pré-escolar.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. beneficiar crianças de comunidades carentes para que tenham acesso à educação de qualidade - duas unidades foram abertas e já beneficiaram mais de 150 crianças;
2. Ajudar a igreja local a entender seu papel na comunidade e ser mais ativa no trabalho - as unidades realizam visitas às famílias das crianças com as missionárias educadoras e membros da igreja local.
3. Parceria com outras organizações e profissionais da saúde para a realização de palestras e atendimentos às crianças e as suas mães e outras senhoras da comunidade;
4. Contribuir para a conscientização dos pais em relação à educação integral de seus filhos e proteção dos mesmos de possíveis perigos.
5. Foi criado o comitê de pais nas duas unidades e os mesmos tiveram palestras sobre a importância da educação de seus filhos e proteção das crianças.
Metas para 2020:
1. Abertura de uma nova unidade.
2. Promoção do PEPE em outras igrejas.
3. Formação inicial pra nova educadora da unidade “Milagres”.
4. Formação continuada para missionários-educadores através da internet e quando possível presencial.
5. Formação da liderança local para melhorar o desenvolvimento das unidades.


GUINÉ BISSAU


GUINÉ BISSAU
Ano de início: 2010
Coordenadora nacional: Enoca Nhaga Massé
Motivação para o desenvolvimento do Programa: evangelizar as crianças e suas famílias, ajudar as igrejas a fazer missões, levar dignidade e educação de qualidade às crianças em idade pré escolar, valorizar as crianças preparando-as para ingressar na escola, oferecendo uma educação integral.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Ajudar as igrejas a fazerem a obra missionária;
2. Ajudar no desenvolvimento integral das crianças;
3. Preparar as crianças para entrar na escola.
Metas para 2020:
1. Orientar a implementaçao das novas unidades no país.
2. Acompanhar e monitorar a gestão das unidades de PEPE.
3. Orientar a implementaçao das novas unidades no país.
4. Capacitar os líderes e missionários-educadores com o novo manual da implementação das unidades de PEPE.
5. Aumentar o número de unidades e de crianças.
6. Capacitação para que a equipe se familiarizem com plataformas de conferencia remota para a capacitação dos missionários-educadores.
7. Implementação do Projeto de Nutrição em todas as unidades do país.


GUINÉ CONACRI


GUINÉ CONACRI
Ano de início: 2003
Coordenador nacional: Momo Youla
Motivação para o desenvolvimento do Programa: ajudar a igreja local a estar em contato com as comunidades.
Objetivos e o que tem sido realizado: oferecer às crianças uma a oportunidade de ter uma boa educação que estimule o desenvolvimento integral, ajudar a comunidade a participar da educação das crianças.
Metas para 2020:
1. Fazer com que a unidade do PEPE seja um projeto-modelo de educação de qualidade.
2. Conduzir a aplicação dos padrões de atuação exigidos pelo PEPE.
3. Realizar a avaliação diagnóstica das regiões de Pita, Dubréka.
4. Expandir o programa para novas regiões: Pita, Dubréka.
5. Promover a consolidação do PEPE-VAI (Programa de visitação de apoio infantil)
6. Colocar em ação os projetos complementares: POPE, Nutrição e saúde.
7. Identificar possíveis acordos de parcerias com organizações locais.


HAITI


HAITI
Ano de início: 2014
Coordenadora nacional: Madame Guerline (em treinamento)
Motivação para o desenvolvimento do Programa: dificuldade de acesso à educação por grande parte da população infantil das comunidades e aldeias, e a desnutrição.
Objetivos e o que tem sido realizado:
O PEPE Haiti passa por um momento de reestruturação. Portanto estamos investindo esforços no sentido de reiniciar todo o processo de implementação de unidades do PEPE no país de acordo com as orientações do Programa.
1. Fortalecimento da unidade de PEPE existente.
2. Capacitação continuada dos missionários-educadores em atuação.
Metas para 2020:
1. Efetivar a coordenação nacional do PEPE.
2. Abrir pelo menos mais duas novas unidades de PEPE na capital
3. Realizar pelo menos três encontros de capacitação continuada com todos os missionários-educadores.


MALI


MALI
Ano de início: 2009
Coordenador nacional: Amós Dembele
Motivação para o desenvolvimento do Programa: necessidade das crianças de terem acesso à educação e anunciar as boas novas do evangelho às crianças da região.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Oferecer às crianças do Mali, em idade pré-escolar, o acesso à educação pré-escolar
2. Levar as crianças e famílias a conhecerem as boas novas do Evangelho
3. Implementar mais unidades no país
Metas para 2020:
1. Abertura de mais duas novas unidades no país.
2. Implementação de projetos complementares como: POPE (Programa de Odontologia e Educação Preventiva), Nutrição e Saúde básica.


SENEGAL


SENEGAL
Ano de início: 2007
Coordenadora nacional: Louise Daba Diouf
Motivação para o desenvolvimento do Programa: ajudar as igrejas locais a serem relevantes em suas comunidades oferecendo às crianças uma boa preparação pré-escolar que estimule o seu desenvolvimento social e espiritual.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Expandir o número de unidades de PEPE em diferentes áreas do país.
2. Formação inicial e continuada de toda a equipe do PEPE.
Metas para 2020:
1. Realizar o diagnóstico de novas áreas.
2. Colocar em ação o plano de expansão do PEPE nas áreas em desenvolvimento.
3. Realizar a formação dos missionários-educadores para a implementação do Projeto de Nutrição.


SERRA LEOA


SERRA LEOA
Ano de início: 2006
Coordenadora nacional: Cecília M. S. Kamara
Motivação para o desenvolvimento do Programa: necessidade de alcançar uma área dominada por muçulmanos, que tem um grande número de população infantil sem acesso a educação formal.
Objetivos e o que tem sido realizado: atuar com excelência operacional nas unidades de PEPE para melhor alcance das crianças e promoção do desenvolvimento comunitário.
Ações já realizadas:
1. Treinamento de coordenadores de área e equipe do Oeste. Uma unidade promove escovação de dentes das crianças e recebe a visita de médicos voluntários para darem consultas.
2. Identificação de duas igrejas interessadas em iniciar o PEPE na comunidade.
3. Identificação de ações a serem realizadas no pós Covid-19 entre os distritos com isolamento social.
Metas para 2020:
1. Expandir o PEPE para nova áreas do país.
2. Apresentar o PEPE para possíveis parceiros e apoiadores.
3. Guiar a implementação dos padrões de atuação em todas as unidades para que 90% das unidades alcancem pelo menos o nível básico exigido pelo programa.
4. Implementar os projetos complementares: POPE, Saúde e Nutrição em todas as unidades.


 

ÁFRICA OCIDENTAL 2

BENIN

BENIN
Ano de início: 2019
Coordenador nacional: Lèvi Koudjo
Motivação para o desenvolvimento do Programa: país com alta taxa de crianças sem acesso à educação.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Realizamos o diagnóstico de contexto do país.
2. Estabelecemos parcerias e alianças com o PEPE no país.
3. Capacitar o coordenador nacional.
Metas para 2020:
1. Conseguir a autorização do governo para o funcionamento do PEPE a nível nacional.
2. Implementação da primeira unidade de PEPE no mês de setembro.
3. Finalizar a capacitação inicial do coordenador nacional.
4. Dar a capacitação inicial aos primeiros missionários-educadores do país.


REPÚBLICA DO TOGO


REPÚBLICA DO TOGO
Ano de início: 2016
Coordenadora nacional: Afi-Kuma Djomakou
Motivação para o desenvolvimento do Programa: O governo local não tem condições de oferecer pré-escolar para a maior parte das crianças no país.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Ampliar o número de crianças atendidas com a implementação de 2 novas unidades de PEPE, sendo uma em uma nova área no norte do país.
2. Fortalecer a capacitação da coordenadora nacional.
3. Cooperar no fortalecimento de igrejas com visão missional.
Metas para 2020:
1. Cooperar no fortalecimento e plantação de igrejas com visão missional no norte do país.
2. Capacitar novos missionários-educadores do PEPE.
3. Promover ações que favoreçam o desenvolvimento comunitário.
4. Melhorar o sistema de gestão das unidades de PEPE existentes.


 

SUDESTE DA ÁSIA

ÍNDIA
Ano de início: 2020
Coordenador nacional: Pr. Vilas Raypure (em treinamento)
Motivação para o desenvolvimento do Programa: alto índice de crianças em situação de vulnerabilidade social e sem acesso à educação pré-escolar adequada.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Implementar novas unidade de PEPE na cidade de Mumbai. A primeira unidade foi aberta em Março do corrente ano e já existem treinamentos agendados para mais duas igrejas interessadas.
2. Estabelecer parcerias com organizações missionárias e evangélicas que desejem implementar o PEPE. Assinamos acordo de parceria com a Associação Batista em Maharashtra e convênio com a igreja Batista Elah em Mumbai.
Metas para 2020:
1. Finalizar a capacitação inicial do coordenador nacional e efetivá-lo na função.
2. Capacitar duas novas equipes de misisonários-educadores para a abertura de duas novas unidades.
3. Organizar e estabelecer o comitê de pais nas unidades do PEPE.
4. Manter um programa semanal de visitação às famílias das crianças do PEPE.


TIMOR LESTE


TIMOR LESTE
Ano de início: 2016
Coordenadora nacional: Madalena Marques
Motivação para o desenvolvimento do Programa: Levar esperança ao coração das crianças e suas famílias, amando-as como Cristo as ama.
Objetivos e o que tem sido realizado:
1. Ampliar o número de crianças e unidades. Atualmente são 150 crianças em 3 unidades do PEPE.
2. Desenvolver a equipe do PEPE.
3. Cooperar no fortalecimento e plantação de igrejas com visão missional.
4. Realizamos neste ano de 2020 a abertura de uma nova unidade de PEPE.
5. Estamos realizando o PEPE-VAI (Programa de visitação às crianças e suas famílias) mesmo em tempo de pandemia, de forma virtual por meio de redes sociais e telefone.
Metas para 2020:
1. Realizar a formação inicial e continuada dos missionários-educadores de todas as unidades.
2. Capacitar a liderança da nova igreja que implementará o PEPE.
3. Estabelecer parcerias com associações de igrejas evangélicas do país para a abertura de novas unidades do PEPE.
4. Continuar o processo de implementação do POPE (Programa de Odontologia Educativa e Preventiva) nas três unidades de PEPE no país.